3 ANOS DEPOIS……

Quantas vezes acontece visitarmos um qualquer local único e diferente e dizermos a nós próprios 

”aproveita bem porque nunca mais cá voltas”……..e , ironia do destino , afinal voltamos a esse mesmo sítio , seja 1 ano depois seja 10 anos depois ,mas voltamos ! Isto para vos informar que estamos em CHELIABINSK ( cidade donde é natural creio eu a namorada do C. RONALDO ) e que fica a cerca de 2000 kms de Moscovo através de estradas maioritariamente intragáveis e indescritíveis, mais próprias de um qualquer país africano do 3º mundo…………..(sorry Pavel, but it’s true and you know it !!! ) ; aliás eu costumo dizer , e cheio de razão : estes tipos ( os russos ) conseguem ser uma das maiores potências mundiais , conseguem mandar pessoas para o espaço ( e recuperá-las mais tarde……) mas , porra , não conseguem fazer uma merda de uma estrada em condições…..!!!!!!! A proporção é a seguinte : em cada 100 kms , apenas 5 são de superior qualidade , outros 5 são assim-assim e 90 kms são demasiado maus para um tão nobre país, é além de mais uma enorme falta de respeito para os seus próprios cidadãos…….NEM VALE A PENA MOSTRAR-VOS FOTOS , TODOS VIRAM AS DA UCRÂNIA , NÃO É????? ENTÃO IMAGINEM AS ….”PRIMAS”……..

 

Pois é , quando cá estivemos há 3 anos atrás , eu quase que jurava que não voltaria a ver ESTA estátua de Lenine , mas afinal aqui está ela a nosso lado , vamos dormir a 30 metros dela , igualmente guardados por polícias que mal estacionámos vieram perguntar a ORIGEM , o DESTINO , a RAZÃO da viagem …..enfim , as perguntas a que já tanto estamos habituados e que fazem parte de qualquer questionário básico a um estrangeiro………RESQUÍCIOS DA UNIÃO SOVIÉTICA , de onde eles jamais se desligarão completamente……..POR MUITO QUE TENTEM……!!!

 

 

Mas voltando ”à vaca fria” , apesar de nunca mais pensarmos regressar a CHELIABINSK , aqui estamos de novo  (pois estivemos aqui em 2010 aquando do nosso regresso do CAZAQUISTÃO ) embora só de passagem , somente o repouso de 1 noite  , pois amanhã teremos uma nova etapa até YEKATERINBURG cidade ainda não visitada anteriormente ; viemos hoje de UFA que igualmente já tínhamos visitado em 2010 ( cidade igualmente sem história especial a assinalar….), depois de termos estado na insípida NIHZNY NOVGOROD , cidade assaz desinteressante ao contrário da cidade seguinte de que gostámos bastante : KAZAN ; apesar de se situar numa zona predominantemente islâmica , gostámos bastante do que a cidade tem para oferecer , nomeadamente a zona do KREMLIN ( para os que não sabem , a maioria das cidades na Rússia tem um KREMLIN que é nada mais nada menos do que um FORTE , uma citadela digamos assim , onde se situam por norma os principais monumentos ou templos).

Pois o KREMLIN de KAZAN é bem interessante , aliás toda a cidade tem algum interesse ,tem uma zona pedonal muito bem cuidada e , claro , onde não faltam os franchises de comida rápida americanos : TODOS eles estão cá e os russos adoram !!!!

KAZAN é digamos assim a ”capital” da província do TARTASTAN , província de certo modo com uma grande autonomia em relação a Moscovo , tendo inclusivamente a sua própria bandeira ; é uma espécie de ILHA DA MADEIRA , mas…….com muito petróleo , muito mesmo! AH!  e sem o ALBERTO JOÃO claro….; muito nacionalistas , estes indígenas são descendentes dos TURCOS nómadas , daí a profusão de mesquitas na cidade e nas vilas ; a cidade foi fundada em 1005 e o célebre IVAN O TERRÍVEL arrasou-a em 1552 tendo inclusivamente forçado o ISLÂMICO KHAN a tornar-se cristão ! Uma curiosidade interessante : a célebre CATEDRAL ST. BASIL em MOSCOVO foi erigida para comemorar a queda de KAZAN , sendo esta cidade considerada a PORTA DE ENTRADA DA SIBÉRIA !

E foi lá que passámos um agradável par de dias e visitámos tudo o que havia para ser visto :

 

em cima , a CATEDRAL DA ANUNCIAÇÃO (ortodoxa),desenhada pelo mesmo arquitecto responsável pela CATEDRAL ST. BASIL em Moscovo.

 

 

SS PETER &PAUL CATHEDRAL (ortodoxa,estilo barroco,séc.xviii)

 

mesma

 

TORRE DA PRINCESA SYUYUMBIKE , com uma história bem interessante ; 59 m , séc. xvi

 

PALÁCIO DO GOVERNO

 

Mas , na minha opinião , dentro do KREMLIN , o mais interessante e vistoso sítio para se visitar é a majestosa MESQUITA KUL SHARIF , se não a mais bonita, seguramente uma das mais elegantes que até hoje tivemos a oportunidade de visitar :

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ficámos magnificamente instalados junto ao estádio da cidade e ninguém nos incomodou…

vista panorâmica desde o Kremlin de Kazan ; se ampliarem a foto 200% verão ao lado esquerdo do estádio 2 AC , a da esquerda é a estrelita!

 

A ESTRELITA entretanto entrou na puberdade pois já cá cantam  mais de 11.000 kms….e até agora nada de especial a assinalar, excepto a falta de cavalagem…..

 

Já estamos na ex-proibida para estrangeiros( até 1990) cidade de YEKATERINBURG , a qual tem pouco para se visitar , sendo mais uma cidade estratégica na SIBÉRIA ; as maiores dificuldades nas estradas vão começar a partir de agora e só de pensar que ainda temos mais de 1 mês de ”picadas” asquerosas a que estes russos chamam estradas , até nos dá arrepios……….; infelizmente e por qualquer estúpida razão , a estrada na SIBÉRIA que segue para LESTE ( M5) atravessa umas dezenas de kms no CAZAQUISTÃO , onde o visto é obrigatório- – – – – – e nós não o temos !  Portanto há que fazer um enorme desvio ( pequeno no mapa mas sempre são umas centenas de kms na prática……..) para contornar a fronteira do CAZAQUISTÃO , passando por uma zona um bocado ranhosa e ao informarmos o Pavel que tencionávamos dormir em ISHIM (na tal zona) ele deitou as mãos à cabeça e obrigou-nos a jurar que iríamos pernoitar junto à MILITSA (POLÍCIA ) , pois lá os bandidos são mais que as mães………….MAS ISSO JÁ É OUTRA HISTÓRIA !!!

 

Avise-me por email sobre novas publicações !



18 comentários para “3 ANOS DEPOIS……”

  1. Ana Rodrigues diz:

    Olá Viajantes

    Parece que agora começa a doer,com essas estradas malfadadas mas para um aventureiro como tu é mais fácil,do que para a maioria das pessoas. Muito bonitas as fotos,principalmente e como referiste,a mesquita é linda.Embora tu leves as coisas na desportiva cuidado com essa zona que até o teu amigo,considera perigosa.A sorte nem sempre está presente e todo o cuidado é pouco.Quanto a Yekaterinburg,senão estou enganada foi onde o último Czar e a família foram assassinados,após a revolução.Como sempre,fico a aguardar as novidades,prudência e beijinhos.

    • admin diz:

      olá ana,
      obrigado pelo teu cuidado , tomaremos todas as possíveis precauções…..somos aventureiros mas não somos malucos !
      infelizmente as estradas vão de mal a pior….
      quanto a YEKATERINBURG tens toda a razão , as ossadas foram descobertas há poucos anos , os bolchevitas não se conseguiram desfazer dos corpos completamente…nem com ácido !!!
      beijos

  2. Maria Melo diz:

    Olá Companheiros Marília e David:
    É um post muito interessante, quer pela abordagem histórica que fizeram, quer pelas fotografias que são lindas, em especial as da mesquita.
    Não há dúvida que são pessoas muito corajosas para embarcarem nesta (e noutras) aventuras, mas fazem o que gostam e isso é importante.
    Então encontraram outra autocaravana por essas paragens? E de que nacionalidade é? Também se encontram a viver uma aventura como a vossa?
    Desejo a continuação de uma óptima viagem, em segurança.
    Saudações autocaravanistas,
    Maria Melo

    • admin diz:

      olá companheira !
      obrigado pelo simpático mail.
      em SUZDAL encontrámos 2 AC , uma de franceses e outra de alemães ; em N.NOVGOROD uma de alemães jovens bem simpáticos por sinal com quem estivémos à conversa umas horas ; em KAZAN um pouco depois de termos estacionado , estacionou ao nosso lado uma de alemães bem antipáticos , assim como chegaram , assim partiram….”nem água vai nem água vem”
      um abraço
      david+marilia

  3. estrela diz:

    Principiando por dizer que a vossa demora em escrever já me estava a fazer cócegas de preocupação, congratulo-me pelo post que fizeram.As fotos são belíssimas e a da Mesquita azul, em grande plano, uma verdadeira pérola de beleza.
    Que pena, realmente, as estradas não facilitarem uma viagem tranquila. Parto do princípio que andarão sempre de credo na boca, não vá acontecer algum percalço à estrelita.
    Gostava de vos sugerir o seguinte:antes de qualquer nova etapa podiam dar um lamiré aqui no site sobre o percurso a seguir; desse modo nós, leitores, podemos bisbilhotar no Google Earth o caminho que seguirão…e, quem sabe, roer mais umas unhas de nervos…(o Pavel se calhar tem razão em arrepelar os cabelos com o vosso arrojo!). Da parte que me toca, sempre que posso viajo com vocês através do mapa, ora pois!
    Beijinhos e continuação de boa viagem.

    PS:Durmam com aquele cacete à mão….ehehehe…não valerá de muito mas sempre rachará alguma cabeça…

    • admin diz:

      sempre que te sentires preocupada mandas um mail , praticamente todos os dias vemos o correio.
      quanto à tua sugestão , podemos segui-la embora NORMALMENTE quando escrevemos um artigo já saímos da cidade a que o referimos , mas podemos sim indicar o percurso que está definido à partida e só será alterado por força maior ; passo a exemplificar : de CHELIABINSK não podíamos seguir a estrada tradicional para OMSK pois a mesma atravessa algumas dezenas de kms de território CAZAQUE pelo que foi decidido ainda no planeamento subir até YEKATERINBURG afim de conhecer melhor a história dos malogrados ROMANOV e já agora por ser a 4ª maior cidade russa; de YEKATERINBURG ( onde ainda estamos pois chove torrencialmente, além de que estão 5º C no exterior- – – – – – ESTAMOS NA SIBÉRIA , não é verdade??? ) e a estrada que teremos que apanhar não é alcatroada, temos receio pois de lama abundante e consequente enterranço…., há que AGUARDAR ) iremos tomar uma estrada secundária para TYUMEN (outra zona ranhosa….) e daí continuaremos até ISHIM , na mesma estrada , a qual vai até OMSK , onde retomaremos a célebre M5 ou M51 , voltaremos aí aos …..buracos alcatroados !!!depois será NOVOSIBIRSK , TOMSK ,KRASNOJARSK e por aí fora….
      dormiremos com o cacete e já agora com o FACALHÃO de 35 cm….
      beijos

  4. F.Ramos diz:

    Companheiros David e Marília
    Boa tarde, obrigado pelas fotos e comentários
    A grandiosidade das Cidades e monumentos contrasta com a pouca segurança e o mau estado das estradas. “É a crise”
    Fico a aguardar pela troca de algarismos, de um, para dois da Estrelita. Espero que sem problemas, pois é nova…
    Continuação de boa viagem. Sem pensar na insegurança. Tudo vai correr bem.Força…
    Abraço
    Fernando Ramos

    • admin diz:

      olá companheiro,
      obrigado pelos seus votos e INCHALLAH cá estaremos dentro de uns meses para publicar os 22.222 kms , já no japão espero eu!
      quanto à segurança, na generalidade é um país muito seguro , apenas aqui e acolá há ”bolsas” onde ……..eles descarrilam , digamos assim!
      um abraço
      david+marilia

  5. António diz:

    Companheiros
    Bonitas fotos, não obstante as condições das estradas deve ser maravilhoso conhecer esses lugares tão inóspitos .
    Continuação de boa viagem (com melhores vias rodoviárias).
    Um abraço e Bjs

    António e Ivone

    • admin diz:

      olá antónio e ivone,
      enfim , a paisagem é um pouco monótona pois são milhares de kms sem montanhas , tundra, tundra e mais tundra!MAS FOI A AVENTURA QUE ESCOLHEMOS , portanto não nos queixamos….
      um abraço
      david+marilia

  6. Caros Estrelas

    Excelente reportagem sobre um país de imensos contrastes. Deve ser um suplicio conduzir por essas «picadas» … para mim, uma infeliz novidade!
    Desejo que a v/ arrojada epopeia continue a correr pelo melhor… sem surpresas desagradáveis. Continuo a acompanhar com interesse as v/ reportagens.
    Abraço
    Carlos da Gama

    • admin diz:

      olá carlos da gama,
      mais do que um suplício é uma tortura das antigas , também pelo aspecto psicológico de saber que algo pode acontecer à estrelita….; é tão ou tão pouco stressante que no final do dia , tanto eu como a marilia estamos com umas terríveis dores no PESCOÇO pela atenção super redobrada com que temos de conduzir a toda a hora, a posição da condução torna-se totalmente rígida!!!
      um abraço
      david+marilia

  7. Olá David e Marília

    A Mesquita Kul Sharif é realmente espectacular tanto por fora como por dentro. Pena eles gastarem o dinheiro todo nas viagens ao espaço e não guardarem algum para as estradas. Também eu costumo ir ao Google Earth ver a vossa localização.
    Um abraço e boa viagem.

    • admin diz:

      olá joão morgado,
      em 1º lugar no orçamento aparece a fatia grande das despesas com a DEFESA , depois vem a EXPLORAÇÃO ESPACIAL , e depois ….logo se vê…..!!!
      um abraço
      david+marilia

  8. Carlos Pinto diz:

    E quando as dificuldades aumentam, lá estão as Estrelas para as contornar !!!
    O obstaculo “estradas” fez-me mergulhar nos mapas, e logo concluír como verdadeiro, aquilo que o Sr David cita ” um pequeno desvio no mapa, corresponde a umas centenas de Km”. Com isto gostava de colocar 2 perguntas, a saber: caminhos de ferro, existem entre cidades ou regiões ? e transporte aéreo, é frequente ?
    Estes meios de transporte podem substituir em parte o transporte ou circulação rodoviária, originando um maior desleixo para as condiçoes das estradas, sté porque o clima não deve favorecer em nada a qualidade das vias
    E depois o tempo que é necessário para percorrer essas distancias, ennnnnormes…
    Continuação de Boa Viagem
    Um abraço
    Carlos Pinto

    • admin diz:

      olá carlos pinto!
      aproveito uns minutos antes de sairmos para estradas secundárias para lhe responder ; o c.ferro é extremamente popular na rússia e largamente usado, e há 4 ou 5 classes nos combóios ,consoante os percursos, é muito engraçada a ….”hierarquia” ; o avião menos usado por causa do custo, mas todas as cidades de certa relevância t~em aeoporto pois as elites não andam nestas estradas ; yekaterinburgo por exemplo tem aeroporto internacional e é servida , além de algumas linhas russas , por voos regulares da lufthansa,finnair,austrian airlines , etc.
      no que respeita às estradas , repare que a percentagem de 4×4 é enorme pois só assim conseguem viajar grandes distâncias os que se aventuram por terra ; os ”vira-latas” são usados apenas e só nas deslocações locais entre vilas próximas e dentro das cidades, não aguentariam grandes distãncias.
      um abraço e continue a fazer perguntas sempre que lhe apetecer!
      david+marilia

  9. Zé vieira diz:

    Caros companheiros: ficamos sempre maravilhados com a vossa detalhada descrição dos locais que vão visitando. Obrigado pelo vosso cuidado. Continuação de uma óptima viagem e ficamos com expectativa em relação às próximas descobertas. Um abraco a Luísa e Zé vieira

    • admin diz:

      muita simpatia da vossa parte !
      um abraço e obrigado por nos seguirem
      david+marilia

Trackbacks/Pingbacks