MÉXICO : BACK ON THE ROAD AGAIN………..

Todos concordarão que o descanso foi merecido , após

13 meses de viagem e cerca de 45.000 km percorridos , em estradas por vezes absolutamente escabrosas e vivendo situações muitas vezes mais do que stressantes….; mas enfim , foi a viagem que escolhemos e não estamos minimamente arrependidos ; arrepende-mo-nos sim , de não a termos realizado mais cedo !!!

Contudo , para a fazermos mais cedo teríamos de ter a experiência imprescindível para efectuarmos uma viagem deste calibre , e há alguns anos atrás não tínhamos essa experiência ……; depois de tantas aventuras pelo mundo  fora , nos últimos 7 anos , podemos dizer sem sombra de dúvida que temos a experiência suficiente para efectuar ….. qualquer volta ao mundo ……… onde quer que seja !

Passámos por várias situações um pouco …….”tremidas” digamos assim nesta nossa passagem pela AMÉRICA DO SUL e CENTRAL , mas graças a alguma sorte e sobretudo à nossa vasta experiência , nada de grave nos aconteceu !

Agora  para visitar o que resta do MÉXICO , já decidimos encurtar a estadia nalgumas zonas mais perigosas devido ao incremento do tráfico de droga e banditismo , especialmente nos estados de GUERRERO , SINALOA e JALISCO ; muito possivelmente em vez dos programados 3 meses adicionais , apenas ficaremos cerca de 50 dias mais neste país , vamos a ver !

O importante é ir vendo os blogs de viajantes que percorrem estas paragens , ir lendo os avisos das embaixadas de França e Grã-Bretanha , visitar frequentemente o AMNORTE ( forum francês muito conhecido frequentado por viajantes de percursos longos na América do Norte ) , enfim , uma série de instrumentos ao nosso alcance que nos permitem ir ”apalpando” o percurso que iremos percorrer.

Recarregadas as baterias , está na hora de prosseguirmos a nossa prolongada visita a este interessante país , que tanto turismo recebe ( cerca de 12 milhões/ano ) e que tanto tem para oferecer ao turista…. ; visitada em detalhe toda a província de QUINTANA ROO , vamos prosseguir para os estados de YUCATAN e TABASCO ( exactamente , esse mesmo onde foi inventado o célebre molho !!! ).

Mas vamos primeiro que tudo às ”desgraças” : para começar a viagem de cerca de 11 horas de avião até CANCUN foi , como era de esperar , imensamente cansativa , ou seja , 1 hora de LISBOA a MADRID porém como o voo era às 07h00 houve que sair às 04h30 ou seja …..nem nos deitámos ! Depois de uma troca de terminais , houve que esperar até às 14h30 para tomarmos o voo directo a CANCUN – – – – – – – – – – toma lá mais 10h00 e não refiles , apesar de o avião ser um 747 a companhia aérea ( WAMOS  , espanhola ) tinha um serviço simplesmente deplorável , talvez uma das piores companhias aéreas do mundo !!!!

Depois a espera pelas malas , a alfândega , a imigração , etc  , etc resumindo e concluindo , chegámos à AC pelas 23h00 locais ou seja ………………………05H00 de Portugal !!! IRRA!!!!!!

Contudo o ”melhor” estava para vir na manhã seguinte , quando abrimos a mala maior : acho que as fotos dizem tudo !!!

 

 

 

 

Os malvados dos aduaneiros mexicanos , sendo o MÉXICO UM DOS MAIORES produtores e exportadores de quase todos os tipos de drogas , num raciocínio mais próprio de macacos do que de pessoas ( faz algum sentido trazer droga de Portugal para o México ou se quiserem , levar areia para o DUBAI ??? ) , pensaram que a nossa mala trazia droga e vai daí nem estiveram com meias medidas : abriram a mala ( apesar de ser uma boa SAMSONITE com segredo ) RASGARAM COMPLETAMENTE OS FORROS INTERIORES À PROCURA DE DROGA , NÃO ROUBARAM  NADA ( estariam distraídos ??? ) , VOLTARAM A FECHAR TUDO IMPECAVELMENTE E…………pronto , nós é que ficámos com uma bela mala inutilizada ; logicamente nem sequer valia a pena de nos deslocarmos ao longínquo aeroporto e reclamarmos pois nem sequer podíamos provar que a ”bisbolhotice” tinha acontecido no MÉXICO …………………

A AC estava no mesmo sítio , apenas um senão : a bateria do carro estava de tal modo descarregada que nem sequer dava sinal ; chamado um electricista-auto o mesmo foi de opinião que a bateria já não aceitava carga ( seria verdade ??? ) e teria de colocar uma nova ! Assim o fiz e recomeçámos a viagem logo com uma despesa extra de € 170.00 que foi o custo da dita…..

Temos seguramente um qualquer pequeno buraco na célula por debaixo do chassis pois tivemos a desagradável visita de …..ratos do campo , os quais além de roerem várias roupas , ”serviram-se” de farinha , arroz, bolachas , massas , puré, pó de panquecas , etc,etc ; foram 2 dias completos de pormenorizada limpeza pois a AC estava realmente muito suja !

Dois dias depois arrancámos para a continuação da nossa viagem e a primeira coisa a ser feita foi a revisão na FIAT da AC e aproveitámos o facto de em MÉRIDA haver umas instalações técnicas da FIAT bastante aceitáveis ; mudança de óleo , filtros de ar , óleo e gasóleo e pré-filtro de gasóleo , mudança de pastilhas da frente e calços atrás e aperto do travão de mão ;  fornecemos todos os consumíveis , mesmo assim ainda nos restam 1 filtro de cada : óleo + ar + diesel + pré-filtro de diesel e ainda 3 jogos de pastilhas de travão e 1 jogo de calços de travão , talvez não venhamos a necessitar de tudo aquilo ! Certo , certo é virmos a necessitar dos jogos de pastilhas de travão pois estamos a mudar de pastilhas a cada 15.000 kms !!! O excessivo peso da estrelita aliado às frequentes descidas , mesmo usando imenso o motor para travar , gastamos pastilhas como ”pão quente”……. ; apenas para vos dar o último exemplo , de TUXTEPEC para OAXACA apanhámos uma descida de montanhas quase contínua , com cerca de 65 kms de extensão, desde os 3.100 metros de altitude !!!!!!!!!!! NÃO HÁ PASTILHAS QUE RESISTAM !!!!!!!!!!!

Mas as desgraças ainda não tinham terminado pois a maior surpresa foi quando o chefe da oficina me chamou para eu verificar um ”pequeño problemita” que eles notaram quando desmontaram as rodas da frente : OS DOIS DISCOS DOS TRAVÕES TINHAM FISSURAS DE 6 CM CADA E APENAS POR MILAGRE NÃO TINHAM PARTIDO !!! Segundo o engenheiro responsável , tal deveu-se a sobre-aquecimentos…..

 

 

 

 

 

É claro que se tivessem partido teríamos tido um gravíssimo acidente pois rolando nem que fosse a 90 km/h  tudo ficava escancalhado e o carro não travava ao perder a direcção !!!!! Não houve outro remédio senão colocar novos discos de travão , os quais tiveram de vir da capital por avião , a mais de 1.000 kms de MÉRIDA !!! Felizmente o chefe das oficinas foi extraordinariamente simpático e além de nos permitir ”acampar” ao lado das gigantescas oficinas , com segurança privada , ainda tivemos direito a electricidade , água , internet , balneários , café grátis a toda a hora , enfim……não nos podíamos queixar !!!

 

 

bem lá ao fundo….

Visitámos MÉRIDA mas apenas ”por alto” aliás nem tem tanto assim para ver ; seguiu-se CAMPECHE  também de interesse diminuto e onde ficámos apenas 1 dia ; depois de 3 dias de estrada, ou seja , 1300 kms , chegámos à super interessante OAXACA , um dos must do MÉXICO , há quem a considere a  capital gastronómica do país , pois a variedade de comidas únicas é verdadeiramente impressionante , assim como a quantidade de locais onde podemos degustar as variadas especialidades ! 

Por aqui ficámos 4 dias , fiquem a conhecer alguns aspectos da cidade :

 

a catedral

 

 

 

 

 

Uma das ”especialidades” de OAXACA  são uns insectos tipo gafanhotos fritos e picantes ; vendem-se por todo o lado e…..nós não provámos !

 

 

 

 

 

o teatro local

 

a magnífica igreja de santo domingo , a mais bonita das muitas existentes na cidade

 

 

 

 

 

 

Seguimos em direcção à costa segundo o itinerário programado pois a qualidade e quantidade de praias fabulosas na costa do PACÍFICO é assombrosa ; mas é claro que este post teria de ter um fim , não é ?????

Avise-me por email sobre novas publicações !



26 comentários para “MÉXICO : BACK ON THE ROAD AGAIN………..”

  1. estrela diz:

    Até que enfim, meninos, notícias!
    Fico sem saber se receberam a minha mensagem pelo WhatsApp. Andava preocupadíssima, sem saber de vocês.

    Apesar de tudo, as novidades não são tão graves como eu estava à espera. Pela demora, imaginei montanhas de coisas…Felizmente conseguiram resolver, rapidamente, os problemas da AC.

    Bom, sobre as fotos, como sempre belíssimas. A Sé Catedral deve ser interessantíssima, embora eu pense que em todas as partes do mundo as catedrais são quase todas, na maioria dos casos, um verdadeiro espectáculo de arquitectura, de riqueza. Os Mexicanos são muito devotos e isso deve reflectir-se na monumentalidade dos edifícios religiosos.

    Quanto à gastronomia, vou estar atenta às fotos que irão colocar no respectivo separador. Espanta-me, tu que és tão aventureiro, não teres experimentado aquele pitéu…dos simpáticos bichinhos fritos e picantes…ehehehehe

    Agora que se dirigem às fabulosas praias, dá-me uma inveja danada.Por aqui, tiritando de frio… Imaginem, até o Algarve foi brindado com a queda de neve! De um dia para o outro, a queda dos valores mínimos é muito acentuada, mal dando tempo a que nos preparemos, embora a comunicação social tenha alertado para o facto. Mas continuo a pensar que assim é que é o inverno normal, não aquela aberração de haver, em certos anos, 20 e tantos graus em Dezembro.

    Bom, continuem de boa saúde e a brindar aqui a malta que vos lê com mais relatos. Mas, por favor, tentem apanhar aquelas situações mais caricatas, cheias de humor, para darmos umas risadinhas, de vez em quando. Para já, comparando as primeiras postagens, na viagem da Rota da Seda, e as últimas, há uma distância enorme na qualidade e na apresentação. Continuem! E aposto que ainda sairá um livro!

    Beijocas! Divirtam-se!

    • admin diz:

      olá a todos !
      recebi a tua mensagem e respondi via email …… tu é que não lês os emails !!!
      quanto aos bichos fritos …..sou aventureiro mas não sou maluco e a última coisa que quero é ter problemas de saúde adicionais….
      já estamos a banhos nas quentes praias do pacífico – – – – – – que inveja não é ????
      beijinhos

  2. João Firmino diz:

    OLá, David e Marília!

    De volta ao México!

    À parte os inconvenientes da viagem aérea, aborrecido mesmo foi o “descasque” da mala (que estupidez!), a bateria para a sucata (muito tempo descarregadas podem não voltar a recuperar – se fico parado 2/3 semanas desligo-a sempre), os ratos(!), e… os discos. Mas felizmente que as fissuras foram detectadas!
    Que a segunda etapa corra bem! Cá fico à espera dos vossos relatos.

    Um abraço

    João Firmino/CAB

    • admin diz:

      olá firmino !
      essa da bateria eu não sabia , mas também não admira pois nesse aspecto sou bastante ignorante!
      quanto aos ratos , tem sido um enorme pesadelo pois embora muito pequenos eles escondem-se nos sítios mais incríveis por detrás dos armários , roupeiros , etc os quais são bem inacessíveis para nós a menos que desmontemos metade da AC ….., a solução é deixá-los morrer à fome e sede !!!
      um abraço
      david+marilia

  3. José Godinho diz:

    Finalmente!
    Já estava com saudades… e cansado de visitar o site em vão!
    Os contratempos relatados fazem parte dos ingredientes da aventura.
    Dada a vossa experiência, até deduzo que os aguardam e encaram com algum desportivismo.
    O que importa, sobretudo, é que os conseguem ultrapassar, felizmente.
    Bom regresso ao “trabalho”!
    Abraço
    Godinho

    • admin diz:

      olá godinho !
      eu bem avisei que iriam ser um par de meses de ausência ….
      melhor ou pior teremos sempre de ir ultrapassando os vários obstáculos que se nos deparam , principalmente coma AC pois ela nunca na vida poderá ficar no continente americano !!!
      um abraço
      david+marilia

  4. Luis Almeida diz:

    “Back on the road again”, é onde já nos habituámos a ver-vos. 😉

    Já se sabe que um período maior de imobilização da AC poderá representar mais problemas, mas nada que não se resolva.

    E no meio do azar, sorte mesmo foi terem detetado as fissuras dos discos a tempo de serem mudados.
    Certamente que em estrada, daí resultaríam danos maiores e mais graves.

    Cá vos irei acompanhar diariamente nessa vossa odisseia, fazendo votos que tudo continue a correr pelo melhor.

    Não sei é se vou gostar de ver as fotos das praias…

    Um abraço.
    Luis Almeida

    • admin diz:

      olá luís , seja bem-vindo !
      ainda nem estou bem em mim no que respeita aos discos fissurados , pois se não fossem detectados até podíamos morrer num grave acidente pois a AC ficaria totalmente desgovernada…..
      quanto às praias , meu caro , é muito simples e básico : vocês estão a morrer com o frio polar………nós estamos a suar com o calor tropical e águas do mar mornas !!!
      um abraço e obrigado por nos continuar a seguir
      david+marilia

  5. Cisfranco diz:

    Olá amigos, sejam bem aparecidos. Mãos à obra. Folgo que as peripécias tenham sido bem resolvidas. Sem elas a aventura nem seria a mesma… Agora desejo que haja uma boa continuação e que a grande aventura venha a ter um feliz desfecho. Abraço.

    • admin diz:

      olá cisfranco !
      por qualquer estúpida razão , o seu comentário ( em duplicado!!! ) foi parar ao SPAM , onde eu o fui ”recolher” por acaso!
      já tínhamos estranhado a sua ausência , de tão habituados que estávamos com a sua presença….
      obrigado por nos continuar a seguir.
      um abraço e feliz ano novo.
      david+marilia

      • Cisfranco diz:

        Não sei o que se passou, mas o meu comentário não ficou visível após tê-lo expedido e por isso é que o repeti (vamos ver agora). De qualquer modo renovados votos de boa viagem.

  6. Marcelino Ferreira diz:

    Saudações companheiros

    Passei as últimas semanas a ler as vossas “epopeias” e “cheguei” ao México ao mesmo tempo que vocês!
    Isso é que é uma vida cheia! Parabéns pela ousadia e obrigado pela partilha.
    Que o resto da aventura seja isenta de problemas, pois bem o merecem.

    • admin diz:

      olá companheiro !
      obrigado por comentar e também pela sua paciência em ler tantos artigos………
      gratos por nos seguir.
      um abraço
      david+marilia

  7. Noeli e Elvis diz:

    Olá queridos amigos

    Que bacana que estão novamente na estrada, problemas a parte ( ainda bem nada grave) , estamos felizes por saber que retornaram a aventura, nós não vemos a hora de iniciar a nossa.
    Grande beijo a vocês

    • admin diz:

      queridos amigos !
      que bom ler o vosso comentário !!!
      o atraso na vossa próxima viagem à patagónia tem a ver com o veículo ou com os afazeres locais ???
      toda a sorte do mundo nesta vossa próxima aventura , como experiência não vos falta , a única coisa a desejar é que não tenham grandes contra-tempos …..
      beijinhos
      david+marilia

  8. Caríssimos Viajantes que bom vê-los novamente na estrada depois do merecido descanso e com os problemas circunstanciais próprios de tamanha caminhada resolvidos ! Experiência não V/falta para enfrentar as adversidades sendo que o México também requer muito atenção ! Não sei se o D.Trump tem razão sobre a permeabilidade das suas fronteiras com toda a criminalidade que grassa nesse pais maravilhoso.Nos tempos idos de Mário Moreno víamos um México inocente e romântico por descobrir…mas esse mundo mudou completamente.Dentro de 2 meses entrarão noutro mundo mais civilizado aonde poderão saborear o resto da aventura com mais segurança e comodidade num pais lindíssimo que é o EUA…se o D.T. deixar !!! Mais uma vez obrigados pela partilha das bonitas imagens.

    • admin diz:

      olá alberto !
      obrigado por nos continuar a acompanhar , os seus textos são sempre de bom gosto !
      o méxico do cantinflas já não existe há muito tempo , os tempos mudaram drasticamente como sabe.
      não sei é se poderei concordar consigo quanto à ”mais civilidade e segurança” nos states ………..comodidade isso sim , sem dúvida , agora segurança …….eu não estaria assim tão certo !!! do muito que já conhecemos dos states , estamos algo apreensivos no que respeita a certos estados , mas enfim , veremos o que ….”nos sai na rifa” !
      quanto ao d.t. …….o meu feeling é que vai acabar em ddt……..
      um abraço
      david+marilia

  9. Ana Maria Rodrigues diz:

    Olá Viajantes

    Como sempre li o post no dia que publicaram,mas só agora arranjo tempo para responder.Fiquei espantada com a história da mala mas foi um aborrecimento ultrapassável.Preocupação grande foram os discos pois poderiam ter causado problemas gravíssimos,felizmente a estrelinha da sorte ajudou.As igrejas são muito bonitas e gostei muito das fotos,menos da bicharada comestível.Aproveitem bem a praia e essas águas maravilhosas,por cá tem estado muito frio e hoje chove imenso. Continuem a aproveitar esta viagem inolvidável,divirtam-se e beijinhos.

    • admin diz:

      olá prima !
      com que enfim …….!!!!
      cuida de ti e vai dando notícias ; muito sol e calor desde acapulco !!!
      beijinhos

  10. Acácio Gonçalves diz:

    Boa noite, segui todos os v/ relatos com muita atenção, de vez quando lá ia espreitar, pra ver se o descanso tinha terminado.
    Tudo o que escrevem leio com muita atenção, embora só agora tenha comentado, pois adoro viajar de autocaravana, no entanto nem um décimo de vocês, faltam os EUROS e, também a vontade da outra parte (conjugue), embora já tivesse efectuado por duas vezes aquelas viagens (europeias) como qualquer autocaravanista.
    Tenho uma certa inveja de vocês ( inveja saudável, claro).
    Desejo que tudo continue a correr bem e, cá estarei para vos lêr.

    Abraço.

    Acácio Gonçalves

    • admin diz:

      olá companheiro acácio !
      obrigado por nos continuar a seguir .
      para efectuar longas viagens como nós fazemos ( na realidade nós não somos autocaravanistas , somos overlanders = os que viajam mais de 3 meses seguidos para longe de casa ) é imprescindível que a companheira tenha o mesmo espírito de aventura do ”organizador” , digamos assim ; já não estou de acordo quanto aos gastos pois , embora se gaste algo acima do que se gasta habitualmente em casa , as despesas não são significativamente muito superiores ao habitual ; é sim imprescindível espírito de aventura , tempo e alguma experiência necessária , tudo o resto aparece facilmente…………..inclusivamente os problemas e situações caricatas !!!
      um abraço
      david+marilia

  11. Antonio diz:

    Amigos, não obstante os problemas iniciais desta parte da viagem (poderá ser um nom augúrio) pars que o resto da viagem corra bem.Espero sinceramente não tenham mais obstáculos “difíceis” e que corra tudo a vosso contento. Vou continuar a “acompanhá-los”, nesta vossa aventura, que gostaria também de fazer.
    Abraços e Bjs

    • admin diz:

      olá antónio !
      obrigado pelo comentário.
      seguramente irão aparecer mais chatices , só esperamos que sejam das pequenas e portanto ultrapassáveis ……
      as da semana passada foram : partiu-se o cabo conta-quilómetros + velocímetro da vespa = não é grave e visitaremos a piaggio em guadalajara ; depois estragou-se o motor do elevador da mota = tive que comprar um novo pois a mota é demasiado pesada para se elevar à mão……..
      como vê , há SEMPRE problemas , o essencial é sabermos ultrapassá-los com alguma frieza !
      um abraço
      david+marilia

  12. F.Ramos diz:

    Olá companheiros David e Marília, visito este Blog com regularidade e admiro a vossa capacidade e profissionalismo para tratar/resolver os problemas que teimam em aparecer, onde o elevador da mota é muito chato, mas os discos e tendo em conta as estradas de montanha, por onde andaram… Podia ser muito mais perigoso. Mas isso já é passado, agora vamos voltar a página. Obrigado pelas fotos e comentários.
    Votos de muita saúde, continuação de boa viagem.

    Abraço
    Fernando Ramos

    • admin diz:

      olá ramos !
      obrigado por nos continuar a seguir, obrigado pela fidelidade.
      embora não me cai muito bem dizê-lo mas gabo-me de ser uma pessoa muito desenrascada , as dificuldades encaro-as de frente e desafio-me a mim próprio ultrapassar toda e qualquer dificuldade que surja pois prometi a mim próprio que a estrelita ia às américas ………….e voltava a portugal , nem que fosse em peças separadas !!!! depois , com a experiência de viajar há muitos anos , é-me mais fácil ultrapassar certas situações que aparentemente seriam enormes obstáculos para um principiante …..; e por fim , há o factor sorte , isto é , reconheço que temos tido alguma sorte no meio de todos os azares…..
      um abraço
      david+marilia

Trackbacks/Pingbacks