PNEUS SECOS,E QUEM NÃO ARRISCA……..

 

Na maior….já estamos no CAMBODJA ,mais exactamente em SIEM REAP ou seja a cidade que ‘’serve’’ uma das maravilhas

do mundo : O COMPLEXO DE TEMPLOS DE ANGKOR,um dos pontos altos desta aventura de 9 meses! Mas vamos por partes : depois de uma noite muito bem dormida num hotel em NAKHON RATCHASIMA pela módica quantia de us$ 22.oo (with breakfast,of course….) ,mete-mo-nos a caminho da fronteira do CAMBODJA ainda distante cerca de 200 kms,confessamos que com algum receio,não sinceramente que ficássemos rodeados de água ,mas sim que tivéssemos que voltar para trás,pois eu tinha decidido que ao mínimo ‘’charco’’ não arriscaria por a AC a nadar e voltaria de imediato para piso seco; a boa estrada continuava e continuava e continuava….. sempre seca,embora os campos em redor estivessem todos alagados ; fazia um sol fantástico com uma temperatura muito acolhedora e convidativa a…….rolar,pelo que fomos andando e andando até que,como diz o outro,sem saber ler nem escrever, estávamos a mostrar as papeladas e documentos para sairmos airosamente da TAILÂNDIA !!! Somente nos últimos 20kms choveu,e mesmo torrencialmente, estávamos já a imaginar a cena do ‘’afogado com a praia à vista’’- – – – -passe-se a comparação claro – – – – – ou seja,queres ver que quase ,quase no CAMBODJA e não podemos avançar mais ?????? Mas felizmente tudo correu bem e fizemos bem em arriscar caso contrário estaríamos a secar para nada numa qualquer cidade secundária da TAILÂNDIA ! A estrelinha dormiu por debaixo do nosso quarto do 7º andar……..

A entrada no CAMBODJA não teve dificuldade,apesar de eu ter lido noutros sites que muito,muito raramente pedem o C-P.D.  a minha experiência de viajante fez com que eu tivesse feito uma pequena marosca que vos vou contar : o nosso C.P.D. foi pedido com 10 folhas= 10 países pensando eu que na TAILÂNDIA prescindiriam dele,essas 10 folhas davam e sobravam para toda a viagem ; acontece que na 1ª vez que entrámos na TAILÂNDIA a agente aduaneira teimou à força que não entraríamos sem um C.P.D. e como estava inflexível lá tive de lho dar,ou seja,lá se foi uma folha não prevista; como gastámos uma folha a mais devido à dupla entrada no LAOS, eu comecei a ficar preocupado pois à saída do LAOS já só tinha no caderno 3 folhas,sabendo que obrigatoriamente uma delas seria para a entrada na MALÁSIA,uma outra poderia ser necessária para SINGAPURA e………..vá lá o diabo do cambodjano à entrada lembrar-se de pedir o C.P.D. ,fico sem folha nenhuma PORTANTO NÃO POSSO DAR À ENTRADA NA TAILÂNDIA NENHUMA FOLHA !!! E assim foi,saímos do LAOS e depois da famosa ponte aparece a imponente fronteira da TAILÂNDIA ,passaportes,documentos do carro e cádê do C.P.D.??? NÃO TENHO DISSE EU,perante o ar aterrorizado da Marilia ,o tipo bem insistia : DOCUMENT…..CAR…..TRANSIT…..YELLOW (nunca em nenhuma fronteira alguém chamou o verdadeiro nome ‘’à coisa’’  : CARNET DE PASSAGE EN DOUANNE ! Eu continuava  a fazer o papel de ignorante e estúpido,dizia ‘’have not , sorry, sorry, have not”-falando à maneira tailandesa….. !!!  Claro que ele deve ter-me chamado muitos nomes feios mas em tailandês, tudo bem,eu aceito ! Lá foi buscar uns formulários em quadruplicado e meia-hora depois estava tudo preenchido,mal preenchido claro,mas para mim tanto fazia que a marca fosse DREAM em vez de FIAT e que o meu nome fosse DA SILVA ( também é….) e que a matrícula ficasse com este aspecto 98-EM-34-07-10 ,ou seja mete-se ano e mês,vale tudo…………..; resumindo,o que interessa é que embora tenha gasto mais de uma hora na fronteira……………poupei uma preciosa folha do C.P.D. que me pode vir a fazer falta aquando da reentrada na TAILÂNDIA não vá de novo encontrar um outro agente inflexível….!!! E NÃO É QUE O ESTUPOR DO ALFANDEGÁRIO CAMBODJIANO  ME PEDIU MESMO O C.P.D. ?????? Eu ainda me fiz desentendido durante uns minutos, mostrei-lhe o livrete e ele dizia no,car passport ; mostrei o passaporte outra vez e ele novamente : no,car passport ; mostrei com um ar angélico e sorridente a minha carta de condução e ele calmamente disse: no,car passport; ah! Ok : mostrei-lhe a minha carta de condução internacional……. no,car passport!!! É claro que a esta altura eu já tinha o rótulo do turista mais estúpido do mês,mas tudo bem !!!! Sem mais nada para lhe mostrar (acho que os cartões de crédito ele não iria gostar…….) lá saquei da bolsa do C.P.D. e ele sorridente disse YES,CAR PASSPORT , claro que aí foi a minha vez de me ‘’revoltar’’ e disse-lhe com o ar mais sério deste mundo : NO !CARNET DE PASSAGE EN DOUANNE !!! É claro que como ele já me tinha catalogado de ‘’o estúpido do mês’’não me ligou nenhuma……. PACIÊNCIA !!!

Depois de todas as formalidades e como começou a escurecer , decidimos passar a noite mesmo ali em POITET ou seja na fronteira; cravámos um parking num hotel por € 2.50 com direito a segurança toda a noite e ,quando tudo acalmou ,vai de subornar o guarda com 50 bahts tailandeses,ou seja ,pouco mais de 1 euro para nos ligar à electricidade : piece of cake- – – – – -toda a noite com ar condicionado por uma quantia irrisória,ou seja,como diz o outro,o que custa é saber viver…………………

Eu já tinha mencionado num post anterior que os tailandeses passam a vida a comer,aliás como os malaios; as tascas de rua são imensas e francamente não há nada que eles não mastiguem,como já vos mostrei,até ratazanas grelhadas marcham ! Para concorrerem com ‘’sus hermanos chinos’’ os tailandeses também apreciam estas iguarias,realmente há gostos para tudo……..( ESTÕMAGOS MAIS SENSÍVEIS PASSEM À FRENTE,DEPOIS NÃO DIGAM QUE NÃO VOS AVISEI……………….)

 

 

 

 

 

 


A estrelinha fez anos uma vez mais,desta vez a ‘’festa’’ foi na TAILÂNDIA ,está nos 77.777 kms e o tablier mais parece com todas aquelas luzes coloridas um salão tailandês de KARAOKE ( vamos lá a ver se a risada não dá em choradeira…….)


Estamos pois no último país deste périplo,se considerarmos que SINGAPURA vai quase só servir para apanhar o voo de regresso,e mais umas compritas apenas ! Estamos com os maiores cuidados com a AC raramente andamos a mais de 60-70 km/h rezando a todos os santinhos para que ela se aguente mais um par de milhares de kms apenas até a carregarmos num navio ; estamos neste preciso momento a estudar cotações de fretes marítimos e é quase certo que a voltemos a embarcar num flat-rack pois num roll-on/roll-off é muito caro,estão a pedir-nos cerca de  € 6500 !!! Vamos a ver……pois as luzes continuam,os barulhos estranhos idem,começam a aparecer as ‘’facturas’’  daquelas malditas estradas do PAQUISTÃO,INDIA e LAOS,mesmo assim muito tem ela aguentado !!!!

Os templos de ANGKOR vão-nos ocupar durante pelo menos 3 ou 4 dias pois há muitíssimo para ver; daqui seguiremos para a capital do país PHNOM PHEN onde ficaremos 2 ou 3 dias; por ser o caminho mais prático,o regresso far-se-à novamente pela mesma fronteira e ao reentrarmos na TAILÂNDIA esperamos que a zona de BANGKOK esteja já nessa altura liberta das cheias,pois não há absolutamente nenhuma alternativa senão passar pela zona da capital para quem quer ir para o sul da TAILÂNDIA ; os dias passam a correr e ainda nos falta ver muita coisa na TAILÂNDIA , alguns dos locais são realmente incontornáveis e seria imperdoável não os visitarmos tais como PUKHET,PHI PHI,SAMUI,etc; a Marilia muito mais do que eu ,já está em ‘’pulgas’’ para regressar,eu por mim,  e por estarmos relativamente perto, ’’já agora’’  dava um saltinho ao JAPÃO e COREIA DO SUL mas ,apesar das minhas insistências, ela não está pelos ajustes…………………ENFIM… PACIÊNCIA !!!!!!!!!!!!

Avise-me por email sobre novas publicações !



22 comentários para “PNEUS SECOS,E QUEM NÃO ARRISCA……..”

  1. Cisfranco diz:

    Espectacular! Como sempre.

  2. estrela diz:

    UFFFF!!!!…que alívio!
    Folgo por saber que as coisas se vão compondo e que lá consegues, com artes de berliques e berloques, enganar mais uns papalvos…ehehehe (nem todos…)
    Sobre os desejos de dar um pulinho ao Japão, a Marília que se deixe de frescuras e aproveite!!!! São só mais uns dias e estar tão perto…é um desperdício não aproveitarem. Além de que, no Japão, como tu tão bem sabes, afoga-se uma pessoa em deslumbramentos ( de tecnologia de ponta, electrónica, informática, etc). Vão, vão…com a benção de todos os vossos leitores, estou certa!
    Mandem fotos, caramba!

    Beijocas

    • admin diz:

      pois ,mas o japão não é só isso que dizes,há um outro mundo fascinante no que respeita aos templos,montanhas,transportes,centros comerciais únicos,mercados ímpares,etc ; eu já lá estive 4 vezes e sei do que estou a falar……
      beijos

  3. estrela diz:

    Esqueci-me de dizer que estava a ler este teu último post e a comer uma pratada de iogurte com cereiais e…
    ….
    ….
    ….
    ….quase foi tudo à vida com as imagens desses petiscos…
    Ai, credo!

    • admin diz:

      se calhar eles reagem do mesmo modo se virem um pratode iogurte com cereais………

  4. Carla diz:

    Se for necessário convencer a D. Marilia, também realço a grande oportunidade desperdiçada se não visitarem o Japão e Coreia do Sul. Se precisarem tenho bons contactos com a embaixada da Coreia em Portugal, caso a patente de Juiz não funcione neste país.
    Continuação de boa viagem
    Carla

    • admin diz:

      o ”meretíssimo” só é usado em situações muito especiais…….
      duvido que a pressão resulte,se for necessário eu informo!
      um abraço

  5. Luis Almeida diz:

    Com luzinhas e ruídos, a verdade é que a estrelinha continua a estar à altura da vossa odisseia.
    O pior para ela já passou, agora será apenas gerir o regresso a casa, ou melhor, à oficina. 😉

    Quanto a vocês, sempre o mesmo espírito, desde o primeiro dia. Chapeau!
    Quanto a nós, deste lado, sempre o mesmo prazer, ao ler o vosso diário de viagem.

    Saudações e que tudo continue a correr pelo melhor.

    • admin diz:

      olá luis almeida,obrigado por comentar!
      na realidade as más estradas acabaram definitivamente,tanto quanto sabemos a estrada daqui de SIEM REAP para PHNOM PHEN é bastante boa,as da TAILÂNDIA e MALÁSIA uma maravilha pelo que estamos mais descansados……
      um abraço
      david+marilia

  6. decarvalho diz:

    Ora vivam…
    as luzinhas da estrelinha preocupam naturalmente em especial a do motor… Faço votos e torço para que cheguem ao fim da linha com suade e bem oleados…
    Quanto ao Japão…ha ir e voltar, não é? bons regressos

    • admin diz:

      olá companheiro !
      quanto à luz do motor,falei com a FIAT e disseram-me que enquanto estiver ÂMBAR tudo bem,para andar devagar e logo que puder(!!!!)ir àFIAT,o problema é se passa a vermelha,aí tenho mesmo de encostar !!!
      felizmente que a saúde já está recomposta….
      um abraço
      david+marilia

  7. AURELIO RAPOSO diz:

    Caros amigos David e Marilia eu tambem sou de acordo que deem um saltinho até ao Japão , a dona Marila que me desculpe mas só pelo facto de serem os primeiros portugueses a ir ao Japão de auto caravana valia a pena , gostei de ver os petiscos dos Tailandeses de facto ali marcha tudo o que mexe e não só.Amigo David como sabe eu sou um candidato a caravanista gostaria que me informasse se for possivel em quanto importa por dia ou mês uma viagem dessas,mas se não pode dizer amigos como antes,obrigado por tudo e acontinuação de boa viagem um abraço do Aurélio Raposo

    • admin diz:

      olá aurélio,obrigado por comentar!
      o JAPÃO logo se verá e quanto aos gastos a sua pergunta é A MAIS DIFÍCIL que se pode fazer a quem realiza uma viagem destas……
      ~primeiro que tudo nós não assentamos as despesas que efectuamos,não ha tempo nem pachorra;segundo tudo depende dos dinheiros de que se dispoem,pois há quem cozinhe imperterivelmente todos os dias,e esse não é o nosso caso,gostamos de provar quase tudo o que a gastronomia de um país oferece; depois há as compras,nós gostamos muito deartesanato de qualidade e uso,compramos sempre muitas prendas também….; depois há os hotéis,gostamos de pelo menos uma vez por mês ficar num hotel; é realmente muito complicado,apenas sabemos no final de uma viagem quanto gastámos na totalidade……; se hádias que NADA GASTAMOS além do gasóleo que está no depósito,haverá outros em que gastamos por exemplo us$ 50,00 em comida e pequenas coisas,é tudo muito relativo; para terminar o que lhe POSSO GARANTIR É QUE UMA VIAGEM DESTAS SAI MUITÍSSIMO MAIS BARATA DO QUE UMA VIAGEM NA EUROPA,PARA A MESMA QUANTIDADE DE TEMPO CLARO!!!basta dizer que ,por exemplo,aqui não há campings nem áreas de serviço e portagens apenas na INDIA,que eu me lembre………; depois a comida chega a ser tão,tão barata que ………………..irrita!!! como último exemplo,aqui em SIEM REAP/CAMBODJA há CENTENAS de restaurantes repletos de turistas e uma refeição come-se por € 2 a € 3…………………….
      um abraço

  8. Manuel Vitorino diz:

    Meritissimo Juiz,
    Essas luzinhas não me são estranhas, e correndo o risco de falar de cabeça e sem ir consultar a “biblia”…
    1º – a luzinha de cima, acende-me quando há algum mau contacto no pisca, ou, o que foi bem mais grave, quando arranjei um cachorro electricista, que de noite, aqui no quintal, se foi entretendo a roer os fios dsa luzes traseiras (piscas, stops, nevoeiro, etc…). Um dia ia a caminho da Consolação e achei estranho essa luz acessa…quando lá cheguei fui ver e…desconfiei logo, e confirmei depois ao chegar a casa e ao ver os restos mortais dos fios, espalhados pelo chão…
    2º – a Outra luzinha…essa acendeu-me já este ano e pregou-me um valente susto. Acontece que já perto de chegar a casa, a AC resolveu ir-se abaixo. Depois de muitas vezes dar á chave, uma houve em que ouvi uma chocaleira de arrepiar…e fumarada negra. Não entrando em muitos pormenores, só sei que passado alguns minutos, pegou bem e vim até casa. Estacionei-a dentro do quintal e quando chegou um mecãnico amigo, a bichinha já não trabalhava outra vez e essa luzinha acesa. Dia seguinte, já pegou bem e sem ruidos nem fumaradas, embora a luz acesa. Idem no dia a seguir. Passado mais 2 dias voltei lá, e, para além de pegar á 1ª….a luz evaporou-se.
    Contacto com a Fiat, seguida de ida até lá para fazer um teste na máquina….resultado: a unica coisa que aparecia registada, é que tinha havido uma insuficiência de combustivel.
    Os motivos podiam ser vários e já não era a primeira vez que tal lá aparecia.
    Não seria de falta de combustivel, pois o deposito estava a 3/4…
    Que fazer? Continuar a andar e quando voltasse a contecer….ir até lá de novo.
    Já rodou mais uns milhares de kilometros e não voltei a ver sinal de tal luz.
    Já agora, e está escrito na “biblia”, que essa luz ambar não é impeditiva de circular, embora seja aconelhavel passar por um concessionario.
    Bem…e quanto á ilustre marilia quer regressar ao ninho da Arruda…o melhor é dizer-lhe que aí, certamente estão bem melhor do que por cá….ISTO AQUI VAI DE MAL A PIOR…
    Acreditem que é verdade.
    Continuação de boa aventura
    Manel e Bia

    • admin diz:

      tudo o que escreveste bata certo e não é grande novidade,pois a luz amarela resulta de uns fios que estão cortados atrás,por falta de 2 luzes.; a luz vermelha definitivamente tem a ver com a direcção assistida,por vezes apaga mas a maior parte do tempo está acesa….; a luz âmbar tem a ver com o motor,às vezes apaga e eu creio que eventualmente terá algo a ver com filtros sujos(???) embora TODOS tenham sido mudados na INDIA há 10.000 kms +-……………………..VEREMOS !!!!
      um abraço
      david+marilia

  9. Manuel Vitorino diz:

    Peço desculpa de alguns lapsos ortograficos, mas “submeti o comentário” sem o reler.
    E, muito piorrrrrrrrrrr, esqueci-me de um pedido…
    (não, não é moedas cambojanas….)
    Seria possivel o Ilustrissimo Juiz, legendar as fotos desses manjares deliciosos?
    (vai lá vai….eu até fujia a 7 pés…)

    • admin diz:

      azar,azar vitorino,no CAMBODJA também não há moedas,so notas…………….. e feias ainda por cima !!!
      quanto à s legendas,esquece pois eu deste tipo de bicarada percebo pouco contudo se ampliares as fotos verás que tens CASULOS,BARATAS GRANDES,ESCARAVELHOS,etc – – – – – – fala com alguém que saiba mais do que eu sobre bicharada!
      um abraço
      david´marilia

  10. Armindo Santos diz:

    Quero que saibam que acompanho, com muito interesse e admiração, as peripécias que descrevem e, por isso, faço votos de sucesso para a viagem que está por fazer. Sou, também, admirador quer das fotos e dos videos que publicam.
    Aguardo pelo Vosso regresso e pela prometida reunião com todos os vossos admiradores que estou em crer são muitos.

    • admin diz:

      olá armindo santos,sabemos que você é um dos fiéis seguidores desta aventura,felizmente você- – – – – entre muitos outros- – – – – – – lê e comenta,não como por exemplo as centenas de brasileiros que leem este blog e nunca houve um único que escrevese uma linha………………………….ORA TOMA LÁ !!!!!!
      está prometido que eu ou quem organizar o encontro no final da viagem o contactará sem falta !!!
      um abraço
      david+marilia

  11. Benedita diz:

    Há que aproveitar !,se há dinheiro,tempo e vontade não devem perder a oportunidade de ir até ao Japão ,que deve ser um país fabuloso e só iria enriquecer a vossa odisseia para nosso « deleite ».Para regressar a Portugal nunca é tarde,pois até dá pena termos um país tão bonito com tantas possibilidades e vivermos tão mal.Quanto às saudades da família sempre se vão « matando » com as atuais tecnologias . Só temos uma vida e devemos aproveitá-la ao máximo quando temos condições para o fazer e, quem sabe se lá não conseguiriam curar algumas das maleitas da estrelinha .Ficamos aguardando que tomem a decisão certa .SAUDE E SORTE

    • admin diz:

      JAPÃO : vamos a ver.benedita !
      obrigado pelo seu amável comentário e esperamos continuar a merecer as suas leituras com os nossos posts.
      um abraço
      david+marilia

Trackbacks/Pingbacks